domingo, 31 de agosto de 2008

Ney


Saí à toa nessa madrugada
Sem saber porquê
A noite daqui é tão linda e faz me perder
Penso num belo horizonte em poder te ver
Sei que eu não tenho mais nada a perder

Meu carro que não quer mais andar
Essa noite que não quer terminar
Onde está você meu amor?
Eu preciso de um pouco de calor

No meu peito eu tenho você
É nessa estrada que eu quero estar
Eu quero o dia, a noite e o mar e cantar

Meu carro que não quer mais andar
Essa noite que não quer terminar
Onde está você meu amor?
Eu preciso de um pouco de calor


Ney Matogrosso (Dan Nakagawa)

juke

Jukebox: Ney Matogrosso, Nação, Cibelle, João Gilberto, Junio Barreto, Iara Rennó, Alzira Espindola, Radiohead, Adriana Calcanhoto, Madonna, Cássia Eller, Juli , Bob Dylan , Chico , Seu Jorge, Tim Maia , Depeche Mode , Basement Jaxx, Jorge Ben Jor, Bebel Gilberto, Zimbo Trio, Sonantes, Buena Vista Social Club, Hurtmold , Oasis, Lenny Hendrix, Tom Zé, Tom Jobim, Bob Marley, Barbatuques, Marina de La Riva e Lauryn Hill.


J.M

Hendrix

Well, she's walking through the clouds
with a circus mind
that's running round.
Butterflies and zebras and moonbeams
and fairy tales,

That's all she ever thinks about ...

Riding with the wind.

When I'm sad, she comes to me
with a thousand smiles.
She gives to me free.

It's alright, she said,
it's alright.
Take anything you want from me,
You can take anything, anything.

Fly on, little wing
Yeah, little wing...

Jimi Hendrix

cinema nosso de cada dia




“Quando você tem uma idéia, muita gente diz ‘Oh, que incrível, a imaginação’. As pessoas acham que as idéias são delas. Não é isso, de maneira alguma. Não pego as idéias de sonhos noturnos. Eu gosto de sonhar acordado. Sair e olhar as coisas para ver se surgem idéias.”

David Lynch em meio a cafés, cigarros e meditação.

..........



Não canso de ler as várias entrevistas que andam circulando com Fernando Meirelles, a última e muito boa na revista Tam nas Nuvens de agosto que traz o próprio na capa. Ensaio Sobre a Cegueira, ah, preciso! É compreensível a comoção de José Saramago com a adaptação do livro . O roteirista canadense Don McKellar ( que também interpreta o ladrão) fez apenas pequenas alterações em relação à obra. Uma epidemia de cegueira traz à tona os piores sentimentos de cada um. O caos não acontece em uma cidade específica, e os personagens não têm nome . Com a fotografia de César Charlone, a cegueira branca de Saramago é bem representada por uma ofuscante e distorcida iluminação!




Sangue Negro - Ótimo



“Não há sol a sós” Arnaldo Antunes


J.M

João


Quando um coração que está cansado de sofrer
Encontra um coração também cansado de sofrer
É tempo de se pensar,
Que o amor pode de repente chegar

Quando existe alguém que tem saudade de outro alguém
E esse outro alguém não entender
Deixe esse novo amor chegar,
Mesmo que depois seja imprescindível chorar

Que tolo fui eu que em vão tentei raciocinar
Nas coisas do amor que ninguém pode explicar
Vem nós dois vamos tentar,
Só um novo amor pode a saudade apagar

............


Na melhor fase João Gilberto, com preguiça de postar e matando saudades de quem estava longe!
Agora obcecada no jornalismo investigativo! Encantada com a qualidade textual e de apuração da matéria "Os anti-heróis" do caderno Mais da Folha de São Paulo. Os Jornalistas Mário Magalhães e Joel Silva mandaram muito bem. Durante dois meses investigaram as condições de vida e trabalho dos cortadores de cana no Estado de São Paulo que detém 60% da produção do país que é p principal produtor do planeta. Em 19 cidades do interior, os repórteres procuraram entender por que, entre nove culturas agrícolas, a da cana, reúne os trabalhadores mais jovens.Na estrada, flagraram-se ônibus deteriorados, ausência de equipamentos de segurança no campo, moradias sem higiene e pagamento de salário inferior ao mínimo. Conheceram-se comunidades de canavieiros que dependem do Bolsa Família, migrantes que tentam a sorte e lavradores que querem se livrar de outras drogas. Outra matéria, também do ótimo caderno Mais, que sai sempre nos domingos, é "O futuro dos Jornais", até quando eles continuam com essa ascensão das tecnologias?? Bom, sou partidária da idéia romântica de ler todos os dias o jornal, suas páginas, adoro cartas e essas coisas "fora de moda". Odeio ler textos muito longos e livros pela Internet.


É isso o jornalismo!Inspira!


Jukebox: Cibelle, Cibelle, Cibelle e claro muito João Gilberto


J.M



quinta-feira, 21 de agosto de 2008

Bravo


Na onda total de produção de cinema! Mão na massa! Amo!


DVD da hora :

J.M





Visões do documentário


A produção de documentários no país tem tido um crescimento que se traduz não apenas em uma multiplicidade de novos filmes como também em um aprofundamento da discussão sobre a prática e a teoria em torno do tema. Em encontros com quatro expoentes do documentário brasileiro contemporâneo, o ciclo discutirá as obras, os modos de aproximação e construção dos personagens, os procedimentos de linguagem empregados e as trajetórias pessoais desses realizadores. Curso Visões do Documentário, ministrado na Casa do Saber Rio entre os dias 8 e 29 de setembro. Os professores estão entre os melhores documentaristas em atividade no país: Eduardo Coutinho, João Moreira Salles, Evaldo Mocarzel e Eduardo Escorel.


Casa do Saber Rio
Av. Epitácio Pessoa, 1164
Rio de Janeiro - RJ - Lagoa
Tel: (21) 2227-2237
De 8 a 29 de setembro, às 20h
Valor: R$ 180,00 na inscrição + 1 parcela de R$ 200,00


08 SET 1. JOÃO MOREIRA SALLES: O DOCUMENTÁRIO EM BUSCA DE PERSONAGENS João Moreira Salles

15 SET 2. EDUARDO COUTINHO: A ENTREVISTA COMO ARTE DO ENCONTRO NO DOCUMENTÁRIO Eduardo Coutinho

22 SET 3. EVALDO MOCARZEL: O DOCUMENTÁRIO E O “OUTRO SOCIAL” Evaldo Mocarzel

29 SET 4. EDUARDO ESCOREL: A POLÍTICA COMO CONDIÇÃO DO DOCUMENTÁRIO Eduardo Escorel


Ahhhhhhh eu queroooooooo! Para absorver conhecimento! Em tempo integral! Massa! Fão muito fã do Coutinho!


Jukebox: Cinco Minutos - Los Sebozos Postizos



J.M




segunda-feira, 18 de agosto de 2008

Bowie e los amigos


A boa de hoje? Chamar os amigos, ligar o Bowie no último, depois pegar um cinema e logo logo se acabar numa balada de boa música na Madalena! São Paulo terra amada! Sorte que não gastei com o show do João Gilberto, amo enlouquecidamente seu som, mas pelo os comentários, além do atraso e de algumas falhas, o show acabou rolando. Mas é João Gilberto, criador, lenda, marcante, bossa nova,violão e voz! No próximo.


Agora mais do que confirmado! Madonna, a diva! Dia 18 de dezembro,estádio do Morumbi!!!!!


Livro da vez: História Natural de Pablo Neruda: a Alegria que Vem de Longe - Vinícius de Moraes


“ A meditação permite se livrar da negatividade e abrir o duto da criatividade. No Brasil, onde há muito estresse, vai ajudar as pessoas”

David Lynch em coletiva na livraria Cultura.

Forgotten Boys, show na área!!!!!


jukebox: Geanine Marques - Special Flavor, psicodelismo em estágio bruto!


J.M


Alzira

vai que o tempo sobra
vai que falta assunto
vai que o mundo encolhe
e a gente aumenta junto
vai que a vez que te escolhe
vai que a gente é muito
vai que falta pouco
vai que o golpe
é soco
vai que o céu tá seco
vai que o mar é nosso
vai que o sal
é doce
vai que a sorte trouxe
azar de quem partiu

vai que sou você

vai ver você é tudo
vai ver o tudo é trato
vai ver quebro o contrato
vai que arrasto um bonde
vai que é uma cantiga
vai que é só memória
na contramão
vai que a vida não demora
vai que a gente inventa
que a viagem não quer

voltar

Alzira Espíndola

Amo!


J.M

Akira


Akira Kurosawa dispensa qualquer tipo de comentários. Que filme é esse???? Que soco no estômago! Desde a primeira vez que vi " Os sonhos" me senti numa viagem transcendental pela beleza, fotografia e arte, sem exageros, um dos meus preferidos. Uma atmosfera absurdamente assustadora. Dos oitos é difícil escolher apenas um. Se um dia conseguir fazer um filme como esse do Kurosawa, que cause uma estáticidade plena, vou ficar muito feliz, pra isso, da-lhe chão!Na fase de rever os preferidos, o de ontem 21 Gramas, o melhor da trilogia Iñárritu, que maestria na montagem das cenas, invejo-o! e da- lhe produções!


Pantanal? Marçal Aquino? Certeza!Bora grava no sertão!!!!!!



Jukebox: Forgotten Boys - God's Trash Can


J.M

Maus

Adoro!

jukebox: Cansei de Ser Sexy - Acho um Pouco Bom


Júlia in love por tempo integral!


J.M

terça-feira, 12 de agosto de 2008

é nosso




Ah! Na expectativa total para esse filme!Ensaio sobre a cegueira ,Saramago, Saramago e Saramago! Fernando Meirelles botando pra quebrar nesse longa?Total! Parando as ruas de Sum Paulo para gravar algumas cenas, com certeza valeu a pena! Na espera!
Cinema de ontem deixou a desejar, e olha que depois de ler tantas e boas críticas sobre o brazuca "Era uma Vez"do Breno Silveira, achei que a sinopse clichê de Romeu e Julieta do Rio de Janeiro fosse me surpreender, mas não rolou. Favela cenário principal, o morro e a elite como fundo, trilha muito boa de Berna Ceppas, algumas cenas bonitinhas, mas o final, ah na boa, fugiu um pouquinho só do que eu estava imaginando, foi na linha do óbvio, tinha esperança que não seria, ... final sem graça. Rouba ( e salva) o filme, Thiago Martins, garoto talentoso, expressivo e com aquele olhar abandonado de "me leva pra casa", ah, eu levava! ha! Interpretação plausível!


Cinema nacional sempre!






on my jukebox:Vim - Mão de Oito


"Menino bonito, menino bonito"

J.M

segunda-feira, 11 de agosto de 2008

Nina

Nina Pandolfo, a mina, pode-se dizer!

Nos muros da cidade, suas meninas de olhos grandes apareciam sempre ao lado dos bonecos amarelos da dupla osgemeos, formada pelos irmãos Gustavo e Otávio Pandolfo. Casada com Otávio, a paulista Nina Pandolfo não adotou apenas o sobrenome do marido. A trajetória que levou os traços tão característicos dos dois grafiteiros para museus e galerias se repete com a jovem artista, cuja carreira teve início em 1992. Na mostra que acabou no início do mês em Sp "Aos Nossos Olhos", estavam quatro esculturas de resina e sete telas com aplicações de cristais Swarovski e crochê. Dois temas permeiam os trabalhos: a natureza e a infância. Misto de pureza e malícia, as personagens de Nina também fazem sucesso comercial. Quero uma parede grafitada por ela, desenhos lindos!



Jukebox: Vive la fête- Nuit blanche


J.M





o que a gente quer?


Bebida é água.
comida é pasto.
você tem sede de que?
você tem fome de que?
a gente não quer só comida
a gente quer comida, diversão e arte.
a gente não quer só comida,
a gente quer saída para qualquer parte.
a gente não quer só comida,
a gente quer bebida, diversão, balé.
a gente não quer só comida,
a gente quer a vida como a vida quer.

a gente não quer só comer,
a gente quer comer e quer fazer amor.
a gente não quer só comer,
a gente quer prazer pra aliviar a dor.
a gente não quer só dinheiro,
a gente quer dinheiro e felicidade.
a gente não quer só dinheiro,
a gente quer inteiro e não pela metade.
J.M

Da hora

Da hora e por esses dias: Ney MatoGrosso, tarde quente típica de Recife , Myspace , Stevie Wonder, guitarras, Sebastião Salgado, Jorge Ben , Walter Salles, América Latina, Cordel do Fogo Encantado, João Gilberto, amigos, os grafites de Nina Pandolfo,Alemanha, Marçal Aquino, Marco Ricca, Nação Zumbi, filmes, Animação, caipiroska com pôr-do-sol, Mão de Oito , Clarice Lispector, Jorge Mautner, Bob Dylan e Café.

Saudades de quem tá longe, muitas!

Conjugando o verbo amar!

.................

"Aspirar condicionado
Respirar condicionado
Resfriar condicionado
Espirrar condicionado

Nas ruas de São Paulo
eu hei de te encontrar "

Cérebro Eletrônico


Na jukebox: M. Takara


J.M

Agosto


Agosto . Um pouco mais da metade do ano, e como está passando rápido . As lembranças das festas do final do ano anterior ainda são frescas na memória e já estamos em agosto. Passa rápido, "Tempo tempo tempo tempo, nas rimas do meu estilo, tempo tempo tempo tempo..." canta Caetano Veloso. Viagens, trabalhos, amigos, curtas e conhecimento em tempo integral.
Palavra do mês : Amor! muito amor!
Tudo acontece na hora certa? Sim. Nada acontece por acaso? Acredito também.

Amor em tudo o que faço, isso sim é minha poesia, alucinatória em estágio bruto!
Pra hoje: Boteco / Amigos / Filmes / Fotos / Teatro


Eu quero ir pro Sertãoooooo!!! Bora gravar!


Da vez:

Livro - Corações Sujos - Fernando Morais / Estética Latino -Americana
Filme -David Lynch , David Lynch e mais David Lynch
DVD- Nação Zumbi Propagando / Madonna / Macy Gray Live in Las Vegas

On my jukebox: Erykah Badu - ... & On

J.M

Jazzelicious


Nat King Kole . Herbie Hancock . Louis Armstrong . Charlie Parker . Art Blakey . Miles Davis . Nina Simone . Billie Holiday . Duke Ellington . Chick Corea . Ornette Coleman . Ella Fitzgerald ( Musa) . Chet Baker . Thelonious Monk . Sarah Vaughan . Benny Goodman . Horace Silver . Dizzy Gillespie . John Coltrane . al Di Meola . Charles Mingus . Lee Morgan.


Jazz, eu amo! Combina com tudo!Amo!


Jukebox: Aretha Franklin - Chain of Fools
J.M

Studio




Lindo!
J.M



domingo, 3 de agosto de 2008

Marasmo


Hoje, é isso tudo que eu mais preciso! Quero Recife, quero praia, quero marasmo!
............
........
....
jukebox: Jimbo - Los Sebozos Postizos
J.M

Inclassificáveis


Que preto, que branco, que índio o quê?
Que branco, que índio, que preto o quê?
Que índio, que preto, que branco o quê?
Que preto branco índio o quê?
Branco índio preto o quê?
Índio preto branco o quê?

Aqui somos mestiços mulatos
Cafuzos pardos mamelucos sararás
Crilouros guaranisseis e judárabes


Somos o que somos
Inclassificáveis
.................
Na jukebox: Além de Arnaldo Antunes, muito King Tubby & Augustus Pablo e Los Sebozos Postizos
J.M

Ouça-me


Você eu tenho que ter, meu amor
Pra poder comer, pra poder comer, pra poder comer
Você eu tenho que ter, meu bem
Pra poder dormir, pra poder dormir, pra poder dormir
Você eu tenho que ter
Pra poder dizer
Você eu tenho que ter
Pra poder dizer

Entre a terra e a lua
Minh'alma tua

Já sabe o que eu sinto de cor
Ou vou ter que escrever nos muros
Gritar nas ruas
Mandar por num outdoor?

De tanto não poder dizer
Meus olhos deram de falar
Só falta você ouvir


Bem que você podia pintar na sala
Na minha tarde vazia

Meu bem

Itamar Assumpção

.......


Essa música na versão Ney Matogrosso!!!! Ah chega logo esse show!

J.M

sexta-feira, 1 de agosto de 2008

Dueto

Consta nos astros, nos signos, nos búzios
Eu li num anúncio, eu vi no espelho, tá lá no
evangelho, garantem os orixás
Serás o meu amor, serás a minha paz
Consta nos autos, nas bulas, nos dogmas
Eu fiz uma tese, eu li num tratado, está computado nos dados oficiais
Serás o meu amor, serás a minha paz
Mas se a ciência provar o contrário, e se o calendário nos contrariar
Mas se o destino insistir em nos separar
Danem-se os astros, os autos, os signos, os dogmas
Os búzios, as bulas, anúncios, tratados, ciganas, projetos
Profetas, sinopses, espelhos, conselhos
Se dane o evangelho e todos os orixás
Serás o meu amor, serás, amor, a minha paz

Consta na pauta, no Karma, na carne, passou na novela
Está no seguro, pixaram no muro, mandei fazer um cartaz
Serás o meu amor, serás a minha paz

Consta nos mapas, nos lábios, nos lápis
Consta nos Ovnis, no Pravda, na Vodca

Chico Buarque


ah, eu te amo!

É hoje! Bethânia!!!!!!



J.M